Como ajudar meu filho a gostar de estudar?

29-10-2014
criança lendo

Ninguém falou que ser mãe seria fácil… E não é mesmo! A cada etapa, um novo desafio. A cada idade, outras questões a serem resolvidas em família. E a dúvida expressa no título deste post assombra e tira o sono de muitas mães e pais de crianças em idade escolar. Estudar deve ser um prazer, e não uma obrigação. A frase é antiga, mas o que fazer para convencer os filhos de que é, também, verdadeira?

 

Para começo de conversa, a criança deve se sentir bem e confortável para ter o mínimo de vontade de estudar em casa. E, para isso, é fundamental que ela tenha “um cantinho” só dela, específico para tarefas e estudo. E, além do computador, o local deve ter também todos os objetos que ela pode vir a precisar. Como se fosse um miniescritório mesmo. E, se os pais tiverem um ambiente como esse para eles em casa, a adaptação fica mais fácil ainda. Basta mostrar que cada um tem o seu espaço, onde quem manda é a concentração e o foco para cumprir com os deveres. Alguns itens podem tornar o local mais lúdico e, consequentemente, agradável para eles. Aposte em lousas e quadros imantados, para que eles façam anotações e fixem notas e figuras que os ajudem no estudo diário. Inclua também outros instrumentos para consulta, além da internet, como enciclopédias e revistas.

 

A próxima questão é “quando”. Crie um cronograma para seu filho, para que ele tenha o horário certo de estudar. A rotina preestabelecida faz toda a diferença. Assim como existem os momentos para brincar, para comer, para tomar banho e para dormir, também há a hora específica para fazer as tarefas e estudar.

 

Próximo item: como? Não esteja ao lado do seu filho o tempo todo. Uma coisa é você acompanhar de perto os trabalhos dele, outra é você não deixar que ele se vire sozinho. Esteja à disposição para o caso de dúvidas e para olhar o material depois de pronto, se assim ele desejar. Mas quem deve executar as tarefas é ele, e não você.

 

Mostre interesse por tudo o que ele faz: pelas tarefas, pelas matérias aprendidas, pelo calendário escolar e pelas leituras. Isso com certeza vai estimulá-lo. Comente assuntos do dia a dia e o insira em conversas cotidianas que estejam de acordo com a sua faixa etária. Quando estiver em família, com pai, irmãos e avós, pergunte sobre seu dia e sobre a escola. Mostre que a rotina dele é importante para todos.

 

Nunca deixe de estimular a leitura. Essa é uma regra que vale para qualquer idade. Mas não empurre para a criança o livro que VOCÊ deseja que ela leia. Compre obras relacionadas aos interesses dela, sejam eles de planetas, dinossauros ou naves espaciais. Opções não faltam. E entenda que o hábito do estudo pode levar um tempo para se tornar um prazer, já que, como tudo na vida dos pequenos, é necessária uma fase de adaptação. Elogie cada progresso e nunca deixe de mostrar o quanto você está orgulhosa a cada boletim recheado de ótimas notas!

Compartilhe

Faça um comentário

Livros relacionados

Posts relacionados