Viva Jovem: Senad publica resultado final de editais

06-06-2014

Iniciativa apoia projetos de promoção da saúde e prevenção do abuso de drogas e da violência contra adolescentes

 

Os resultados finais dos Editais de Chamamentos Públicos do “Viva Jovem”  nº 004/2014 e nº 005/2014 foram publicados no Diário Oficial da União(DOU). A iniciativa é da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça (MJ).

 

O processo ocorreu após trabalhos realizados pela Comissão Julgadora, constituída pelas Portarias Senad nº 29/2014 e nº 30/2014, de 28 de abril de 2014, e composta por membros da Secretaria Nacional da Juventude da Secretaria-Geral da Presidência da República, do Ministério da Saúde, Ministério da Cultura e Ministério da Justiça/Senad.

 

As entidades e municípios que interpuseram recurso administrativo obtiveram resposta do referido recurso por meio de correspondência eletrônica e física (a resposta foi enviada pelos Correios). Após a análise dos recursos pela Comissão Julgadora, obtiveram-se os resultados finais.

 

Os resultados finais das propostas selecionadas foram publicados em ordem decrescente da média final até o limite do recurso orçamentário disponível para cada edital.  Acesse o resultado final para entidades que estão qualificadas para firmar o convênio e acesse também o resultado final paramunicípios que estão qualificados para firmar o convênio.

 

Acesse a média final de todas as propostas que foram avaliadas para o Edital de Chamamento Público nº 004/2014 (Edital VivaJovem). Conheça a média final de todas as propostas que foram avaliadas o Edital de Chamamento Público nº 005/2014 (Edital VivaJovem).

 

O Projeto

 

O edital “Viva Jovem” apoia projetos de promoção da saúde e prevenção do abuso de drogas e da violência. A iniciativa tem como objetivo destinar recursos para ações de promoção da saúde e dos fatores de proteção contra o abuso de drogas e a violência contra adolescentes e jovens em situação de desvantagem social. O valor total de recursos destinados à implantação dessas ações é de R$ 10 milhões, provenientes do Fundo Nacional Antidrogas.

 

O “Viva Jovem” é resultado de uma parceria da Senad/MJ com a Secretaria Nacional de Juventude da Secretaria-Geral da Presidência da República, o Ministério da Saúde e o Ministério da Cultura e deve potencializar ações do Programa Crack, é possível vencer e o Plano Juventude Viva, cujos projetos nos municípios participantes terão pesos diferenciados no processo de julgamento.

 

Fonte: Portal Brasil

Compartilhe

Faça um comentário

Livros relacionados

Posts relacionados